quinta-feira, julho 31, 2008

[INFO] Johan Agebjörn na XLR8R



Já não é novo, mas é bom que se farta este podcast da XLR8R. Johan Agebjörn, um ambientalista, produtor e pai babado mistura uma hora de space/cosmic disco delicioso com nomes como Lindstrom, Sally Shapiro ou Disco Digitale no alinhamento.

Como é hábito nestas andanças, as misturas são tecnicamente superiores e a "viagem" é garantida com o house/disco lento e cheio de efeitos especiais (ou espaciais). Um podcast para guardar quando se quer ter música de dança para ouvir.

Alinhamento:
1. Mr. Flagio "Take a Chance" (Zyx)
2. Casco "Cybernetic Love" (Radius)
3. Klapto "Mister Game" (Radius)
4. Scotch "Penguin's Invasion" (Zyx)
5. Lindstrom "I Feel Space" (Feedelity)
6. Magic Men "Pop Corn" (Blanco y negro)
7. Disco Digitale "I Scream The Body Electric" (Killing music)
8. Charlie "Spacer Woman" (Irma)
9. Katy Gray "Hold Me Tight" (Zyx)
10. Sally Shapiro "I'll Be By Your Side (Extended Club Mix)" (Diskokaine)
11. Sally Shapiro "Find My Soul" (Diskokaine/Paper Bag)
12. Mecano "El Cine" (Ariola Eurodics)
13. Mecano "Mujer Contra Mujer" (Ariola Eurodics)

Sacar aqui.

quarta-feira, julho 30, 2008

[INFO] Midnight Juggernauts - Festival Oeiras Alive! '08 2008/07/12



Foram umas das bandas mais interessantes do ano passado com o seu primeiro disco "Dystopia" e estiveram no Optimus Alive deste ano. Os Midnight Juggernauts deram um concerto memorável a julgar por este excerto no "Live is where we live...", um blogue português que se dedica a fazer serviço público e a disponibilizar gravações de concertos ao vivo.

Com o dito concerto a ser interrompido pela organização (excesso de zelo?) foi o público quem os conseguiu re-colocar no palco: "Yeah, guess the new trend is to cut off the artists in the middle of a song, when they exceed their scheduled performance time, in an act of epic douchebaggery. They did it twice on this festival. Would it be too much to let them finish the goddamn song?! Let's see you do that to Bob Dylan. Way to push your luck, Portugal."

Alinhamento:
01- So Many Frequencies
02- 45 And Rising
03- Shadows
04- Ending Of An Era
05- Twenty Thousand Leagues
06- Tombstone
07- Road to Recovery
08- Into The Galaxy (cockblocked)
09- Into The Galaxy

TRT: 00h:49m:27s

Podem sacar aqui.

quinta-feira, julho 17, 2008

[DISCO] Tricky "Knowle West Boy"

Tricky tem um problema: Qualquer dos seus discos são comparados com “Maxinquaye”; Se são diferentes, se seguem o mesmo caminho, se rompem com a estética fundada por aquele disco, etc. Talvez por isso, Tricky afirma (na entrevista que deu ao Expresso no Sábado passado) que cada um dos seus oito albúns vale tanto como outro talvez para lembrar que os desejos dos fans têm menos importância que as vontades de um criador. Minimizar a importância de “Maxinquaye” até podia ser um sinal de humildade, mas vindo do Tricky Kid tenho as minhas dúvidas.

Se considerarmos “Maxinquaye” como a obra-prima de Tricky (eu considero) então “Knowle West Boy” volta a mostrar o Tricky Kid em forma, trazendo o que de bom já fez e incorporando o que aprendeu nesta viagem (a título de curiosidade Knowle West é uma zona de Bristol, local aliás, onde Adrian Thaws nasceu). Talvez por isso “Knowle West Boy” faz lembrar os trabalhos antigos, mas não fica por aí. Esta é a razão pela qual defendo que este disco não cheira a mofo. 

As numerosas colaborações dão alguma cor à palete de preto e cinzentos típica de Tricky e influem na variedade de géneros que Adrian Thaws (agora com 40 anos) espalhou em “Knowle West Boy”. Comecemos pelo princípio com “Puppy Boy” com um toquezinho de pop adocicada (juro que quase oiço a Christina Aguilera) e “C'mon Baby” roqueiro (menos que o manifesto punk anti star-system do primeiro single “Council Estate”). O piscar de olhos (sem grande sucesso) a “Slow” de Kylie Minogue onde a guitarra rasga mais do que seduz. “Baligaga” mantém o discurso rasfari/dancehall que já conheciamos em “Evolution Revolution Love” e o trip-hop, aquele que muitos já enterraram e outros tantos mantêm a botijas de oxigénio surge – em explendor – lento, arrastado, sujo e neurótico em “Past Mistake” e mais colorido ainda que com tons esbatidos na deliciosa “Joseph”. “Veronika”, ao contrário de “Joseph”, é apenas voz e batida dispensando mais elementos melódicos. 

O cliché: Tricky está em forma porque nos lembra outros tempos dos quais temos saudades. Por isso, todos aqueles que tinham perdido a fé podem voltar ao lugar de culto porque o "puto" lançou um dos discos do ano.

Tricky - "Council Estate"

quarta-feira, julho 09, 2008

[INFO] Festival Marés Vivas

Na confusão da oferta de festivais de Verão há uns que se destacam. O "Marés Vivas" parece-me um deles: Peter Murphy e Sisters Of Mercy para os saudosistas do gótico, The Cult e James para quem gosta de rock e pop e The Prodigy e Tricky para os mais ligados ao up e downbeat

O evento realiza-se entre 17 e 19 de Julho no Cabedelo em Vila Nova de Gaia e segundo o site do Expresso, o bilhete para um dia vai custar €20 e para três dias €35.

sexta-feira, julho 04, 2008

[VIDEO] "Bassweight"



A propósito da noite de ontem no CCB com DJ set de Skream, a SRK (agência criativa ligada à produção de documentários) lançou um filme sobre dubstep. Hoje há um visionamento do mesmo em Amsterdão (quem puder dê um pulinho lá).

quinta-feira, julho 03, 2008

[NETAUDIO] Aphilas - Instrumentally Ill EP



A quantidade de netlabels e das suas edições dispersam facilmente os discos num mar de música onde é complicado manter atenção permanente. Sites, portais, blogues e amigos com gostos comuns facilitam a vida de quem se quer manter atento ao netaudio.

Contudo, por vezes, tropeçamos em algo que é demasiado grande para se deixar de lado. O disco de Aphilas é um desses monumentos, não só de netaudio como da múdica em geral. Se tivermos em conta a opinião de terceiros a página do Archive.org que alberga esta edição, não deixa margem para dúvidas: 18 reviews a uma média de 5 estrelas cada e mais de 30.000 downloads...

“Instrumentally Ill EP “ é um EP com seis pérolas que navegam entre um hip-hop melódico instrumental de um bom gosto irreprensível (“That's just what it's for” e "The dubbed coil of smoke"), alternância entre o midtempo e drum ‘n bass (“Collective Memory Loss”) e o downtempo com referências vintage que dão corpo e orgânica à música de Aphilas (“Lifelong Fiction”). No entanto, a música não fica ancorada em referências mais antigas. Na verdade, o som é contemporâneo e urbano como em “Remain Solid”.

Com edição digital pela Miasmah (o que poderia garantir alguma confiança) e edição física pela Merck (12”), Aphilas deixa água na boca por próximos trabalhos já que este "Instrumentally Ill EP" é obra única. Única em número e em qualidade.

Ouvir aqui e download em ZIP aqui.

Também publicado no Beats Play Free com imagem de Ogata T3tsuo.

 

 

 

Informação sobre o blog (para ler aquando da primeira visita a este blog)

 

Email:

 

 

(Instruções: o que é e o que é preciso fazer?)

 

Emissões:

Podcast 1

Podcast 2

Podcast 3

Podcast 4 (emissão especial)

Podcast 5

Podcast 6

Podcast 7

Podcast 8

Podcast 9

Podcast 10

Podcast 11

Podcast 12

Podcast 13

Podcast 14

Podcast 15

Podcast 16

Podcast 17

Podcast 18

Podcast 19

Podcast 20

 

 

Outubro 2004

Novembro 2004

Dezembro 2004

Janeiro 2005

Fevereiro 2005

Março 2005

Abril 2005

Maio 2005

Junho 2005

Julho 2005

Agosto 2005

Setembro 2005

Outubro 2005

Novembro 2005

Dezembro 2005

Janeiro 2006

Fevereiro 2006

Março 2006

Abril 2006

Maio 2006

Junho 2006

Julho 2006

Agosto 2006

Setembro 2006

Outubro 2006

Novembro 2006

Dezembro 2006

Janeiro 2007

Fevereiro 2007

Março 2007

Abril 2007

Maio 2007

Junho 2007

Julho 2007

Agosto 2007

Setembro 2007

Outubro 2007

Novembro 2007

Dezembro 2007

Janeiro 2008

Fevereiro 2008

Março 2008

Abril 2008

Maio 2008

Junho 2008

Julho 2008

Agosto 2008

Setembro 2008

Outubro 2008

Novembro 2008

Dezembro 2008

Fevereiro 2009

Março 2009

Abril 2009

Maio 2009

Junho 2009

Julho 2009

Agosto 2009

Outubro 2009

Novembro 2009

Dezembro 2009

Janeiro 2010

Current Posts

 

 

 

[PODCAST] Emissão 20

 

[OPINIÃO] Newsletter da Flur

 

[INFO] Novo tema dos Portishead

 

[OPINIÃO] Entrevista a António Sérgio pelo Vítor J...

 

[CONCERTO] Muse ao vivo no Pavilhão Atlântico

 

[INFO] Sites e música a rodos

 

[INFO] "Bohemian Rhapsody" pelos Marretas

 

[INFO] Duo Siqueira Lima

 

[OPINIÃO] António Sérgio

 

[INFO] Steppas Deligh Vol. 2

 

 

 

 

Posts referentes aos discos mais marcantes de cada redactor do "otites":

 

Juiz:

[DISCO(s): marcante(s)] “Três Selecções

 

Work Buy Consume Die:

[DISCO: marcante] “Blue Lines” Massive Attack

 

Rudi:

[disco mais marcante] "Specials" The Specials

 

Serebelo:

[Disco mais marcante] "Hope Blister" ...smile´s ok

 

Escrito:

[discos mais marcantes] Três selecções

 

Kid Cavaquinho:

[disco mais marcante] Alpha - Come From Heaven

 

CrazyMaryGold:

[discos mais marcantes] Incunabula & Amber...

 

 

Work Buy Consume Die:

 

Escrito:

Rudi:

The English Beat - Beat This
Erode - Tempo Che Non Ritorna
Dance Hall Crashers - 1989-1992 (1993)
One Step Beyond - 45 Classic Ska Hits
The Redskins - Neither Washington Nor Moscow

 

Serebelo:

Tom Zé - Imprensa Cantada

Gorillaz - Demon Days

Bloc Party - Silent Alarm

Arcade Fire - Funeral

!!! - Louden Up Now

 

Kid Cavaquinho:

Africa Funk - Vol. 1

Cubanismo! - Malembe

Gor - Crosaides

Zeca Afonso - Galinhas do mato

Rão Kyao - Porto alto

 

 

 

1 Pouco Mouco

Alta Fidelidade

A Big Black Boat

A Vítima Respira

Braindance

Bitlogger!

Caixa de Ritmos

Clube de Fans do José Cid

Crónicas da Terra

Dance Not Dance

Deep & Lounge

Easy M

Electro-Lights

Electroshocker

Error_404

Grooves Clash

Hit Da Breakz

Intervenções Sonoras

Juramento Sem Bandeira

Major Eléctrico

Mundo Urbano

Música Digital

Music Producer Center

Notas Agudas

O Puto – O Tipo – O Tóto

O Som e a Fúria

Orelha do Ano

Pautas Desafinadas

Percepções

Play On Tape

Quark! Quark!

Queridos Anos 80

R.B.S.

Rádio Tranquera

Revoluções por Minuto

Rita Carmo

Rock em Portugal

Sound + Vision

The Tracker

 

Powered by Blogger

Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

[Buy Opera!]

Get Firefox!

Get Thunderbird

Last FM

ouvidos abusados