quinta-feira, setembro 21, 2006

[disco] Ratos De Porão "Homem Inimigo do Homem"


Os Ratos De Porão voltaram a editar um álbum 25 anos após a sua formação. "Homem Inimigo do Homem" foi o nome escolhido para mais meia-hora de pancada, arrotos, velocidade inatingível, violência, berros, saltos, gregórios, raiva, sangramento, barbárie descarada e muitos pontapés - ou seja o típico e normal nos Ratos De Porão e no hardcore que produzem.

Ainda assim, convém fazer sobressair o facto deste disco ser nitidamente uma aproximação ao som de "Carniceria Tropical" (disco lançado em 1997 e que será, com poucas dúvidas, o disco mais violento que passou na minha aparelhagem) mas sem se afastar muito do anterior "Onisciente Colectivo". Já este "Homem Inimigo do Homem" não resultou tão violento (porque nem sequer me parece possível conseguir chegar a esse ponto) até porque o produtor Billy Anderson (também produtor do "Carniceria Tropical") esteve mesmo para trabalhar neste último álbum... mas desapareceu sem deixar rasto à última da hora. Mas não fez mal nenhum... os punks desenrascam-se sempre e chegou-se a uma versão final bem profissional e digna de uma carreira enorme, mítica e que faz dos Ratos De Porão, ainda, a minha banda favorita de todos os tempos.

Míticos continuam os inchaços que esta banda provoca nos nossos ouvidos, bem como as letras arrasantes contra cenas da sociedade, o Papa, escravidão, e outros assuntos de política brasileira e internacional que sempre vão causando polémica nomeadamente com cenas dos vídeos de "Covardia de Plantão" (música sobre a violência nas ruas - vale a pena ver o vídeo aqui) e "Expresso da Escravidão" (vídeo aqui, com legendas e tudo) - dois dos temas mais fortes juntamente com "Testemunhas do Apocalipse" (ouvir no myspace) e "Pedofilia Santa", entre outros.

"Homem Inimigo do Homem" chega na altura certa e, assim o espero, poderá dar o mote a uma possível nova visita destes brasileiros a terras de Portugal... I wish...

É para ouvir repetidamente e para testar aparelhagens e sistemas auditivos humanos.


» Site oficial da banda
» Myspace

 

 

 

Informação sobre o blog (para ler aquando da primeira visita a este blog)

 

Email:

 

 

(Instruções: o que é e o que é preciso fazer?)

 

Emissões:

Podcast 1

Podcast 2

Podcast 3

Podcast 4 (emissão especial)

Podcast 5

Podcast 6

Podcast 7

Podcast 8

Podcast 9

Podcast 10

Podcast 11

Podcast 12

Podcast 13

Podcast 14

Podcast 15

Podcast 16

Podcast 17

Podcast 18

Podcast 19

Podcast 20

 

 

Outubro 2004

Novembro 2004

Dezembro 2004

Janeiro 2005

Fevereiro 2005

Março 2005

Abril 2005

Maio 2005

Junho 2005

Julho 2005

Agosto 2005

Setembro 2005

Outubro 2005

Novembro 2005

Dezembro 2005

Janeiro 2006

Fevereiro 2006

Março 2006

Abril 2006

Maio 2006

Junho 2006

Julho 2006

Agosto 2006

Setembro 2006

Outubro 2006

Novembro 2006

Dezembro 2006

Janeiro 2007

Fevereiro 2007

Março 2007

Abril 2007

Maio 2007

Junho 2007

Julho 2007

Agosto 2007

Setembro 2007

Outubro 2007

Novembro 2007

Dezembro 2007

Janeiro 2008

Fevereiro 2008

Março 2008

Abril 2008

Maio 2008

Junho 2008

Julho 2008

Agosto 2008

Setembro 2008

Outubro 2008

Novembro 2008

Dezembro 2008

Fevereiro 2009

Março 2009

Abril 2009

Maio 2009

Junho 2009

Julho 2009

Agosto 2009

Outubro 2009

Novembro 2009

Dezembro 2009

Janeiro 2010

 

 

[DISCO] Boxcutter "Oneiric"

 

[INFO] Fim da Output Recordings

 

[INFO] Mouraria Records e Coty Cream

 

[INFO] Actualização dos Links

 

[INFO] Alex S. trabalha com Tracey Thorn

 

[INFO] Raio-X disponibilizado na internet

 

[INFO] Netaudio na Química FM

 

[DISCO] The Mars Volta - "Amputechture"

 

[INFO] Química FM

 

[INFO] Portishead e MySpace

 

 

 

 

Posts referentes aos discos mais marcantes de cada redactor do "otites":

 

Juiz:

[DISCO(s): marcante(s)] “Três Selecções

 

Work Buy Consume Die:

[DISCO: marcante] “Blue Lines” Massive Attack

 

Rudi:

[disco mais marcante] "Specials" The Specials

 

Serebelo:

[Disco mais marcante] "Hope Blister" ...smile´s ok

 

Escrito:

[discos mais marcantes] Três selecções

 

Kid Cavaquinho:

[disco mais marcante] Alpha - Come From Heaven

 

CrazyMaryGold:

[discos mais marcantes] Incunabula & Amber...

 

 

Work Buy Consume Die:

 

Escrito:

Rudi:

The English Beat - Beat This
Erode - Tempo Che Non Ritorna
Dance Hall Crashers - 1989-1992 (1993)
One Step Beyond - 45 Classic Ska Hits
The Redskins - Neither Washington Nor Moscow

 

Serebelo:

Tom Zé - Imprensa Cantada

Gorillaz - Demon Days

Bloc Party - Silent Alarm

Arcade Fire - Funeral

!!! - Louden Up Now

 

Kid Cavaquinho:

Africa Funk - Vol. 1

Cubanismo! - Malembe

Gor - Crosaides

Zeca Afonso - Galinhas do mato

Rão Kyao - Porto alto

 

 

 

1 Pouco Mouco

Alta Fidelidade

A Big Black Boat

A Vítima Respira

Braindance

Bitlogger!

Caixa de Ritmos

Clube de Fans do José Cid

Crónicas da Terra

Dance Not Dance

Deep & Lounge

Easy M

Electro-Lights

Electroshocker

Error_404

Grooves Clash

Hit Da Breakz

Intervenções Sonoras

Juramento Sem Bandeira

Major Eléctrico

Mundo Urbano

Música Digital

Music Producer Center

Notas Agudas

O Puto – O Tipo – O Tóto

O Som e a Fúria

Orelha do Ano

Pautas Desafinadas

Percepções

Play On Tape

Quark! Quark!

Queridos Anos 80

R.B.S.

Rádio Tranquera

Revoluções por Minuto

Rita Carmo

Rock em Portugal

Sound + Vision

The Tracker

 

Powered by Blogger

Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com

[Buy Opera!]

Get Firefox!

Get Thunderbird

Last FM

ouvidos abusados